Incêndios próximos à usina nuclear de Chernobyl aumentam a radiação no ar da Ucrânia

Incêndios próximos à antiga usina nuclear de Chernobyl elevam a ...
Foto: Volodymyr Shuvayev/Agence France-Presse
Como se não bastasse os efeitos da pandemia de coronavírus que atinge o mundo, mais um situação de perigo surge em uma região do planeta.

Resíduos de fumaça do incêndio florestal que atinge a região da usina nuclear de Chernobyl, na Ucrânia, desde o fim de semana passado, estão chegando à capital, Kiev, cidade com quase três milhões de habitantes.

Bombeiros têm lutado dia e noite para controlar os incêndios que queimam florestas radiativas no território abandonado ao redor da usina nuclear de Chernobyl.

Mesmo que apresentem níveis baixos de radiação, especialistas afirmam que a situação pode sair do controle caso os incêndios se intensifiquem.



As leituras de radiação perto dos incêndios foram elevadas, com o vento soprando em direção às áreas rurais da Rússia e da Bielorrússia durante a maior parte da semana passada.

Na sexta-feira, no entanto, o vento mudou indo na direção de Kiev, a capital ucraniana, mas as autoridades dizem que o nível de radiação ainda é normal na cidade, cuja população é de cerca de três milhões.

"Trabalhamos a noite toda cavando em torno da fábrica para protegê-la do fogo!", disse Kateryna Pavlova, chefe interina da agência que supervisiona a área, em uma entrevista por telefone.


Fonte: O Globo.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.