Brasileiro trocou cartas com Thomas Jefferson sobre independência do Brasil

Imagem relacionada

 “Sou brasileiro e sabeis que a minha desgraçada pátria geme. Os bárbaros portugueses nada poupam para nos fazer desgraçados.” Com essas palavras, escritas há mais de dois séculos, em novembro de 1786, o estudante José Joaquim Maia pedia apoio ao então embaixador norte-americano na França Thomas Jefferson, para um movimento de independência do Brasil. O texto mais famoso escrito pelo político norte-americano – a “Declaração de Independência das 13 Colônias Inglesas”, que completa aniversário hoje – influenciou intelectuais, clérigos, fazendeiros e populares mineiros no final do século 18. Um dos grupos de insatisfeitos com o domínio de Portugal se organizou em Vila Rica, capital da província de Minas Gerais – hoje Ouro Preto – na conspiração que ficou conhecida como Inconfidência Mineira.


“É a vossa nação que julgamos mais própria para nos ajudar. Não somente porque foi quem deu o exemplo, mas também porque a natureza nos fez habitantes do mesmo continente”, continua o estudante carioca, que assinava com o pseudônimo Vendek. As cartas escritas em Montpellier, na França, e endereçadas a Thomas Jefferson estão disponíveis no site do Arquivo Público Mineiro, nos Autos da Devassa. Foram pelo menos três cartas enviadas ao embaixador norte-americano, que anos depois seria eleito presidente dos Estados Unidos. Jefferson  respondeu ao brasileiro, explicando que não tinha autoridade para assumir compromissos oficiais por seu país, mas combinou um encontro para trocar ideias com José Joaquim. A reunião, no entanto, não foi registrada oficialmente e até hoje não se sabe se ocorreu.

Você sabia que a História No Paint tem um podcast? É o História No Cast

O objetivo do podcast é ensinar História de uma maneira informal e divertida. 

Confira alguns episódios já gravados: 

01# HistóriaNoCast - A veracidade entre a Idade Média e Game of Thrones

08# HistóriaNoCast - Attack on Titan e o fascismo

10# HistóriaNoCast - The Boys e o Mundo Contemporâneo

11# HistóriaNoCast - A filosofia de Hobbes, Locke e Rousseau em Naruto







Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.