Postagens
recent

O faraó que precisou tirar passaporte 3.000 anos depois de morto.


 Resultado de imagem para O faraó Ramsés II precisou tirar passaporte 3.000 anos depois de morto

 O arqueólogo norte-americano David S. Anderson publicou em sua conta no Twitter uma imagem que se tornou viral. É o passaporte da múmia do faraó Ramsés II, ele afirmou que a foto não era real, apesar de ter sido inspirada em uma história verídica. 

 A múmia de Ramsés II estava infectada com fungos e precisava passar por um tratamento para que não ocorrer uma decomposição total. Então, o Ministério das Antiguidades do Egito autorizou o translado à França da relíquia em 1976.

    
 Na época era proibido o transporte de ossos humanos sem documentação e por conta disso fizeram o passaporte para o faraó após 3.000 anos de sua morte. Ramsés foi recepcionado por uma comitiva no aeroporto francês de Le Bourget. 

Fonte: The Vintage News.



Fonte: The Vintage News.

Foi mal no Enem? Não tem dinheiro para pagar uma faculdade privada?


 Conheça o Quero Bolsa: um programa que oferece até 70% de desconto em vários cursos em centenas de universidades. Para mais informações, clique aqui


Imagem relacionada

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.