Postagens
recent

Profissões em risco: 15 ocupações com maiores e menores chances de desaparecer

 Resultado de imagem para profissões com risco de acabar


 A tecnologia não parece de avançar, por um lado, isso é bom, mas o que muitos esquecem é sobre os problemas que as máquinas podem gerar e um deles é a questão do trabalho. Até que ponto o desenvolvimento tecnológico e a automatização podem acarretar o desaparecimento de determinadas funções no mercado de trabalho? O documento O Trabalho como Motor do Desenvolvimento Humano (2015), do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), aborda essa questão.



 Segundo o relatório, por mais que a tecnologia tenha criado novas demandas, ou seja, novas profissões, por outro lado ela também prova o desaparecimento de postos de trabalhos. O documento releva que, provavelmente, até 2025 quase 50% das profissões podem desaparecer. Confira uma lista de trabalhos que tem chance de desaparecer e outros que não tem:


  Menor probabilidade de extinção:


- Profissionais que lidem com a saúde mental


- Fonoaudiólogos/audiologia


- Terapeutas ocupacionais e recreativos


- Profissionais que desenvolvem próteses e órteses


- Assistentes sociais da área de saúde


- Supervisores de combate a incêndios e segurança do trabalho


- Nutricionistas, - Gestores de centros de acolhimento


- Coreógrafos, - Engenheiros de Vendas


- Médicos e cirurgiões


- Coordenadores pedagógicos


- Dentistas e cirurgiões buco-maxilo-facial


, - Professores de ensino fundamental


- Supervisores de mecânicos, instaladores e reparadores


Maior probabilidade de extinção:


- Operadores de telemarketing 


- Consultores imobiliários 

- Trabalhadores do setor de saneamento básico Técnicos matemáticos 

- Vendedores de seguros 

- Reparadores de relógios 

- Agentes de cargas e mercadorias 

 - Técnicos de processos fotográficos 

- Caixas de banco 

- Bancários para abertura de novas contas

 - Atendentes de biblioteca 

- Operadores de registro de dados

 - Agentes de crédito 

- Avaliadores de seguros 

- Árbitros e assistentes desportivos

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.