Postagens
recent

Professor se fantasia de nazista para dar aula e cria polêmica na internet





 Nessa semana um fato inusitado provocou debates nas redes sociais: a foto de um professor vestido com um uniforme nazista enquanto dava aula de História sobre com o tema referente a Segunda Guerra Mundial em uma escola particular de Vila Velha (ES), na última sexta-feira. Gabriel Telbadi, é professor de História e colunista do jornal Gazeta Online. Muitas pessoas se revoltaram pelo fato do professor ter "brincado" com um fato tão desastroso na História, que foi o holocausto judeu e o governo totalitário de Adolf Hitler.



E pessoas opinaram:

"Já parou pra analisar que ele entrou em uma sala de aula vestido de nazista? Ele está fazendo uma realidade que é o nazismo se tornar algo engraçado, quando não é. O nazismo trouxe a morte de 6 milhões de judeus, e isso nunca é engraçado. Isso é criminoso, isso é cruel"

"Se ele realmente tivesse se formado adequadamente no curso de História, saberia o peso que é utilizar uma fantasia dessas, e se sentiria no mínimo culpado de fazer isso como uma mera brincadeira para tornar a aula mais atrativa. Lamentável"

 Porém, a escola deu uma nota informando que o professor já teria o costume de se vestir como outros personagens históricos, como soldado romano ou algum monarca, dependendo do tema que está sendo lecionado, "com o objetivo de enriquecer o conteúdo em sala de aula".


O professor foi defendido por alunos nas redes, veja um relato:

"Excelente professor, uma pena ter sido interpretado errado", disse um internauta. "E ele é fantástico em suas análises em sala, e com certeza não usaria essa roupa com objetivo tão nojento quanto andam falando pelo Twitter".

O professor ainda foi acusado de "apologia ao nazismo" se baseando em uma interpretação da Constituição Federal:

"1º do artigo 20 é citado o “Crime de Divulgação do Nazismo”: “§1º – Fabricar, comercializar, distribuir ou veicular, símbolos, emblemas, ornamentos, distintivos ou propaganda que utilizem a cruz suástica ou gamada, para fins de divulgação do nazismo. Pena – reclusão de dois a cinco anos e multa”.

  Aparentemente, o professor já tinha costume de usar trajes para chamar a atenção dos alunos nas aulas, contudo, o nazismo é um assunto delicado, tão delicado, que hoje em dia ainda existem grupos neonazistas, inclusive no Brasil. E você? O que acha dessa situação? Acha que essa atitude se configura como apologia ao nazismo?

7 comentários:

  1. Acho que ele poderia usar outros símbolos pra contar esse período histórico assim não cairia no risco de ser mal interpretado

    ResponderExcluir
  2. Acho mera ignorância das pessoas julgarem ele por tal ato, elas só querem se beneficiar com o politicamente correto!tenho certeza que na vida delas, elas nem pensam sobre a segunda guerra e nem ao menos lembram do holocausto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Natália, sou judeu, meus avós fugiram da Itália em 1931 e realmente não gostaria de ter um professor me dando aula vestido de nazista. Amplexos.

      Excluir
    2. tbm sou judeu e nao vejo problema com ele se vestir assim pra dar aula

      Excluir
  3. A intenção dele nao foi ser racismo, ele só queria dar a aula de um jeito divertido
    Apesar de ele ter cometido um erro infeliz de ter deixado o simbolo da suastica
    O que deveria ser feito e ele ter essa consciência e isso nao ser repetido dessa mesma forma (com o simbolo da suastica)
    A intenção dele não foi ruim, eu acho que deveriam dar uma segunda chance pra ele, ele cometeu um erro

    ResponderExcluir
  4. Ele é meu professor, e digo que ele é impecável em suas aulas. E suas fantasias enriquecem muito a aula, e são um mecanismo para atrair a atenção dos seus alunos.

    ResponderExcluir
  5. alguém sabe se tem alguma nota dele só pronunciando?

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.